Após desbarrancamento, famílias ribeirinhas são retiradas de casas

08.02.2018 16:25 Por Redação Juruá Online

Duas famílias foram retiradas nesta quinta-feira (8); Previsão é de que nos próximos dias 50 pessoas sejam retiradas.

 

Com as intensas chuvas que acontecem nessa época do ano os problemas começam a acontecer, nesta quinta-feira (8), duas famílias ribeirinhas foram retiradas de suas casas após um desbarrancamento. As famílias foram levadas para alugueis sociais da prefeitura.

O coordenador da defesa civil municipal, José Melo, disse que por enquanto outras famílias não devem ser retiradas, mas que há uma previsão de que mais 50 pessoas sejam levadas para os alugueis sociais. “O solo está rachado e estamos fazendo o trabalho necessário para que as vidas dessas famílias sejam preservadas”, disse.

A dona de casa Francisca Lima disse que não queria sair de casa, mas que temia pelo pior. “Agora têm que deixar meu canto, mas é o jeito né porque pode ficar perigoso”, disse.

O filho da dona de casa, Antônio Lima, disse que lembra que havia muito metros de barranco quando a família chegou no local agora o rio está cada vez mais próximo. “Isso aqui era mais de 200 metros de barranco, nunca imaginávamos que isso fosse acontecer, nunca pensamos mesmo”, disse.

Com informações Erisney Mesquita.

Notícias Recomendadas

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site ou de seus editores.