Acre registra 13 mortes por gripe em menos de cinco meses, aponta Saúde

13.05.2019 15:47 Por REDAÇÃO ONLINE

Último boletim do Ministério da Saúde aponta que foram contabilizadas duas mortes pelo vírus influenza. Segundo a Sesacre, outros 11 óbitos foram por Vírus Sincicial Respiratório (VSR).

Por G1


Acre alcançou 42,01% da meta da campanha de vacinação contra o vírus Influenza, até esta segunda (13) — Foto: Divulgação/Secom

Acre alcançou 42,01% da meta da campanha de vacinação contra o vírus Influenza, até esta segunda (13) — Foto: Divulgação/Secom

O estado do Acre registrou 13 mortes causadas por gripe desde janeiro deste ano até esta segunda-feira (13). Um novo boletim de monitoramento da influenza, divulgado pelo Ministério da Saúde, aponta que duas pessoas morreram no estado por Síndrome Respiratória Aguda Grave (SRAG) por influenza. E, segundo a Secretaria de Estado de Saúde (Sesacre), 11 pessoas morreram por VSR.

A gerente de Imunização do Acre, Renata Aparecida, ressalta que no estado foram confirmados 30 casos de H1N1 e uma morte na capital Rio Branco. Além disso, são 11 casos de H3N2, com uma morte em Cruzeiro do Sul, no interior do Acre.

Outros 113 casos confirmados no Acre foram de Vírus Sincicial Respiratório (VSR), que é o principal vírus causador de bronquiolite em bebês. De acordo com a gerência de Imunização, o vírus matou 11 pessoas desde janeiro deste ano.

“Esse VSR é uma gripe, mas não é causado pela influenza, porém a pessoa que toma a vacina da gripe também tem o sistema imunológico fortalecido e acaba que protege também para essa doença. Todos esses casos de gripe estão espalhados nos municípios de Sena Madureira, Manoel Urbano, Brasileia, Rio Branco, Cruzeiro do Sul e Acrelândia”, disse Renata.

Dados nacionais

Em todo país, 535 pessoas foram hospitalizadas por Síndrome Respiratória Aguda Grave por influenza. De acordo com o boletim, desde janeiro deste ano já foram contabilizados 99 óbitos por gripe.

A circulação de vírus influenza se deu com maior intensidade e de forma localizada no estado do Amazonas, com 139 casos e 35 óbitos. O estado de São Paulo também se destaca, com 107 casos e 7 óbitos.

AC tem 42% de cobertura vacinal

O estado alcançou 42,01% da meta da campanha de vacinação contra o vírus Influenza, que causa a gripe. Segundo balanço divulgado nesta segunda-feira (13), pela gerência de Imunização do Estado, 101.722 pessoas foram imunizadas no Acre.

A meta do estado é vacinar mais de 242 mil pessoas até o dia 31 de maio. Os municípios que estão com maior cobertura vacinal são Cruzeiro do Sul, com 95,64% e Santa Rosa do Purus, com 89,86% do público-alvo vacinado.

Já a cidade de Tarauacá vacinou somente 4.143 pessoas das mais de 14,9 mil que fazem parte do público-alvo da campanha, uma cobertura de 27,63. Epitaciolândia e Bujari também estão com uma baixa cobertura, chegando somente a 27,64% e 28,88%, respectivamente. A capital, Rio Branco, vacinou somente 31,27% do público, um total de 32.403 pessoas.

O grupo prioritário são crianças na faixa etária de seis meses a menores de seis anos; idosos; gestantes; mulheres no puerpério; professores da rede pública e privada; trabalhadores em saúde; público do sistema prisional e também para os doentes crônicos. A meta é vacinar 90% desse público.

A vacina está disponível nas unidades de saúde da família no período de 8h às 12h e de 14h às 17h, e nas unidades de atendimento de referência no período de 7h às 18h.

Notícias Recomendadas

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site ou de seus editores.