Mãe de vítima tentou se matar duas vezes com falsas notícias de morte, diz família de vítima em explosão de barco

17.06.2019 14:51 Por REDAÇÃO ONLINE

Depois de mais de uma semana após a explosão do barco em Cruzeiro do Sul, muitas notícias sobre o número de mortes confirmadas foi anunciado em alguns sites da região publicaram notícias afirmando que José Artemísio da Conceição, de 39 anos, pais da pequena Yohana de 8 meses, que veio a óbito na manhã do último sábado, também teria morrido.

“A notícia falsa afetou a família do meu padrasto que mora toda em Thaumaturgo, várias pessoas me mandaram mensagens, dizendo que viram que um site noticiou que meu padrasto teria morrido, coisa que não aconteceu”, diz Felipe Ibernon.

Na manhã desta segunda-feira (17), Felipe e os irmãs estavam velando o corpo da irmã de oito meses, e na última terça feira velou o da mãe Marluce Silva, um momento difícil para família que precisa explicar para os familiares que moram mais distante que as notícias publicadas em alguns sites e blogs são falsas.

“Tem um sobrinho do meu padrasto que está acompanhando ele em Minas Gerais, eu estou em contato com ele diretamente, para poder dar as notícias verdadeiras para família que mora em Thaumaturgo, a mãe do meu padrasto já tentou por duas vezes se suicidar. Para nossa família é difícil, já perdemos nossa mãe e agora minha irmã, e tem gente noticiando que meu padrasto morreu, um absurdo”, declarou Felipe Ibernon ainda abalado.

Notícias Recomendadas

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site ou de seus editores.