Nicolau Júnior solicita mutirão para realização de cirurgias no hospital do Juruá

08.06.2017 14:54 Por Redação Juruá Online

O deputado Nicolau Júnior falou na sessão desta quarta-feira (7) na Assembleia Legislativa do Acre (Aleac) sobre o atendimento na maternidade de Cruzeiro do Sul. Segundo ele, a demanda de cirurgia ginecológica daquela unidade de saúde está sendo transferida para o Hospital do Juruá.

“Para se ter uma ideia, só nessa área ginecológica já são mais de 80 cirurgias paradas. Cirurgias de miomas, cisto no ovário, retirada de útero, entre muitas outras não estão sendo realizadas”, informou.

De acordo com o deputado, não existe atualmente nenhuma equipe eletiva com carga horária montada para realizar essas cirurgias.

“Quatro anestesistas atendem na maternidade e no hospital do Juruá. O problema, é que não tem nenhuma equipe eletiva com carga horária montada para realizar essas cirurgias. Sendo assim, os pacientes não têm certeza do dia que serão atendidos mesmo estando agendados. Apenas casos urgentes são prioridades”, afirmou.

O parlamentar pediu que o Secretário de Saúde do Estado, Gemil Júnior, providenciasse a realização de um mutirão de cirurgias para regularizar a situação dos pacientes daquele município.

“Há a necessidade da realização de um mutirão de cirurgias para regularizar a situação. O hospital conta somente com 5 cirurgiões, nesse mutirão profissionais de Rio Branco poderiam ser escalados para ajudar”, frisou.

Para concluir Nicolau Júnior solicitou o conserto do Tomógrafo do hospital do Juruá.

“O tomógrafo do hospital está com problema já há algum tempo, apenas os pacientes internados e casos urgentes tem acesso a esse tipo de exame. Sendo que o restante da população fica desassistida. Outro problema, é o equipamento de Raio X digital que foi comprado há dois anos e meio e nunca foi usado. Custou mais de R$ 400 mil e está lá parado. Espero que esses problemas o mais rápido possível, a população não aguenta mais tanto descaso”,  finalizou.

Mircléia Magalhães

Notícias Recomendadas

Comentários

Os comentários são de responsabilidade exclusiva de seus autores e não representam a opinião deste site ou de seus editores.