logo_oficial.png

Cotidiano

Delegado alerta que quem fizer queimadas urbanas pode pagar fiança de até 100 salários mínimos ou ir para presídio

O alerta foi feito pelo Delegado da Polícia Civil de Cruzeiro do Sul Vinícius Almeida. Em preocupação com os constantes registros de queimadas em fundo de quintal, realizadas em plena época de pandemia do novo coronavírus, o delegado informou que a Policia Civil vai tomar todas as medidas com base no artigo 54 da lei de crime ambiental, que prevê detenção de 01 a 04 anos. Caso a pessoa não pague a fiança, que pode ser estipulada de 1 a 100 salários mínimos, será conduzida para o presídio.

“Portanto será autuado em flagrante. Se não pagar a fiança arbitrada de 01 a 100 salários mínimos, será conduzido a penitenciária. Volto a dizer que a Policia Civil vai pegar pesado nesse tipo de crime, para ajudar a salvara vida dos cidadãos cruzeirenses”, enfatizou o delegado.

Vinícius destacou ainda que as ações estão sendo endurecidas em razão dos danos ocasionados pela fumaça, principalmente para pessoas afetadas pelo Covid-19. O delegado pede que a população aguarde os serviços de recolhimento de entulho, realizados pela prefeitura.  “Estamos vivendo momentos difíceis impostos pelo coronavírus, e é de conhecimento público que o sistema respiratório é afetado. As queimadas de fundo de quintal provocadas neste período tem causado grandes transtornos, onde as pessoas positivadas pela doença podem vir a sofrer sérias consequências provocadas pela fumaça.  Se esse infrator for conduzido para delegacia será tratado com o rigor que o momento exige", finalizou. 

 

 sicredi2.png

© Copyright 2015 - Empresa Cruzeirense de Telecomunicações de Rádio e TV LTDA

Image
Image
Image

PUBLICIDADE

Image